dicas

O que fazer na Pampulha BH

julho 5, 2017
O que fazer na Pampulha BH

Depois de 5 anos de blog, comecei a pensar mais no que posso fazer dentro da minha cidade, para poder passar dicas locais tanto de moda, compras, gastronomia, cultura e afins. Foi ai que comecei a focar em posts com este intuito, trazendo um pouquinho do meu pezinho mineiro para cá, deixando sempre minha opinião pessoal sobre o que fazer em cada lugar e onde visitar caso esteja de passagem por BH. Aliás, tá ai uma coisa que eu amo: turistar em Belo Horizonte. Conhecer cada cantinho da minha cidade natal é maravilhoso, gratificante. Foi pensando nisso que, em uma de minhas visitas à lagoa da Pampulha, resolvi contar tudo sobre o que fazer na Pampulha BH. Este é o primeiro post dessa série que imagino que nunca terá fim, espero que gostem!

O que fazer na Pampulha BH

o-que-fazer-na-pampulha-bh-casa-do-baile o-que-fazer-na-pampulha-bh-na-casa-do-baile

Casa do Baile:

A Casa do Baile fica em uma pequena ilha artificial ligada por meio de uma ponte de concreto à orla. Ela foi inaugurada em 1947 pra abrigar um restaurante, ficou fechada durante anos e foi reaberta em 2002, se tornando Centro de Referência de Urbanismo, Arquitetura e Design, ligada à Fundação Municipal de Cultura e à Prefeitura de Belo Horizonte. A proposta é ser um centro onde se organizam, documentam e valorizam os espaços simbólicos da cidade, além de ter exposições temporárias de arte, divulgação de publicações, seminários e eventos dentro desses assuntos. No dia da minha visita estava acontecendo a exposição “A Cidade E O Ócio”, feita por designers de redes que ficavam expostas no lado externo da Casa. Vale a pena visitar caso você goste de arte, arquitetura e queira conhecer um pouco da história de Belo Horizonte.

o-que-fazer-na-pampulha-bh-mirante-lagoa

Igreja da Pampulha e Parque Guanabara:

A Igreja da Pampulha é um dos principais pontos turísticos dessa região de BH. Ela foi projetada pelo arquiteto Oscar Niemeyer, possuindo toques especiais do paisagista Burle Marx e do pintor Cândido Portinari. As linhas curvas e a imagens de São Francisco se tornaram a combinação perfeita para quem busca religiosidade e paz em Belo Horizonte. Dá para ficar facilmente tomando uma água de côco e meditando horas na parte de trás da igreja, em frente à lagoa.

Logo à frente da Igreja, encontramos o Parque Guanabara, um excelente local para quem possui filhos ou crianças pequenas na família. Ele possui brinquedos para todas as idades. O preço de entrada no parque é R$2,00 e o valor dos brinquedos varia bastante, ficando em média R$5,00. Uma das minhas atrações favoritas no parque é a Roda Gigante Mirage, que é a maior do Brasil, oferecendo uma vista panorâmica incrível da Lagoa da Pampulha por completo. Também dá para agendar eventos fechados, festas de aniversário e excursões em grupo.

O que fazer na Pampulha BH

Mineirão e Mineirinho:

Os estádios do Mineirão (Estádio Governador Magalhães Pinto) e Mineirinho (Estádio Jornalista Felippe Drummond) são berço do esporte mineiro, atraindo pessoas de todo país para visita-los. Ambos fazem parte do Conjunto Arquitetônico da Pampulha, projetado por Oscar Niemeyer. No Mineirão podemos marcar visita guiada para conhecer cada espaço interno. Podemos também assistir jogos entre grandes times mineiros como o Atlético, o Cruzeiro e o América. Na parte externa sempre há eventos como shows privados, festivais gastronômicos, encontros de carros antigos e raros e pessoas praticando esportes radicais.

O Mineirinho não perde em nada para seu vizinho. Ele é palco de grandes jogos de volei, artes marciais e futsal. Também já recebeu alguns shows nacionais e internacionais, sendo referência nesse assunto. Se você visitá-lo aos domingos, poderá conhecer a famosa Feira Do Mineirinho. Ela reúne artesanato, moda, beleza, gastronomia e decorações para o público. A entrada é gratuita e vale a pena visitar.

o-que-fazer-na-pampulha-bh-igrejao-que-fazer-na-pampulha-bh-cultura

Outras atividades:

A orla da Lagoa da Pampulha é um excelente lugar para praticar exercícios físicos e passear em família. Há uma área exclusiva para ciclistas poderem andar de bicicleta sem nenhum risco. Também há pista para corrida e caminhada com estrutura para quem deseja praticar um exercício sozinho ou em família. Sempre que posso dou uma passadinha por lá com meus pais e meu irmão para curtir o ambiente. Também encontramos na orla: praças, mirantes, vendedores ambulantes de alimentos e artigos de artesanato, outros. Vira e mexe aparecem algumas intervenções artísticas e urbanas na orla.

A Lagoa da Pampulha é uma região excelente para quem deseja passear sozinho, em família, com amigos. São tantas atividades e lugares turísticos que fica difícil reunir tudo em um post. Com certeza voltarei aqui mais vezes contando sobre outros espaços próximos à ela. Dando dicas sobre o que fazer na Pampulha BH em diversos tipos de situações diferentes.

Salvar

Salvar

Salvar

Postagens relacionadas

2 Comentários

  • Reply Juliana Macedo julho 6, 2017 at 8:00 pm

    Amo passear no parque ecológico da Pampulha!

    • Ana Luiza Palhares
      Reply Ana Luiza Palhares julho 6, 2017 at 8:01 pm

      Também amo!

    Deixar resposta